Pesquisa Personalizada


Receba as atualizações de Astronomia Hoje por e-mail:

Ouça Temas da Bíblia Agora:

Estude a Palavra de Deus Agora!

Estude a Palavra de Deus Agora!
Cursos e Estudos Bíblicos Gratuítos

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Astrônomos anunciam planeta que poderia ser habitável fora do Sistema Solar


Cientistas mostram que condições de temperatura e pressão permitem a existência de água em estado líquido, além de nuvens e chuva.

Astrônomos franceses anunciaram nesta terça-feira (17/05/11) que um planeta fora do nosso Sistema Solar apresenta condições favoráveis para abrigar formas de vida.

Pelo menos quatro planetas giram em torno da estrela Gliese 581.

Os cientistas simularam, em computador, como seria a atmosfera de um deles, que tem o dobro do tamanho da Terra, e concluíram que as condições de temperatura e pressão permitem a existência de água em estado líquido, além de nuvens e chuva.

O ar mais denso e a concentração de dióxido de carbono seriam tóxicos para seres humanos. Mas os cientistas esperam que novas gerações de telescópios permitam observar se há sinais de vida de outras espécies no planeta.

Um novo tipo de planeta, escuro e solitário, acaba de ser descoberto por astrônomos americanos, japoneses e neozelandeses. Um estudo liderado por David Bennet, da Universidade de Notre Dame (EUA) e publicado nesta quarta-feira na revista "Nature", revela uma classe inteiramente nova de astros do tamanho de Júpiter - o maior planeta do nosso Sistema Solar, com massa 300 vezes superior à da Terra. Sua principal característica é que eles estão sozinhos no espaço, muito distantes de sua estrela (planetas sempre orbitam estrelas).

Para Bennet e seus colegas, esses planetas solitários são como párias espaciais, ejetados de sistemas solares em desenvolvimento. Para realizar o estudo, os astrônomos analisaram uma região do centro da Via Láctea, a nossa galáxia. Pelo menos 10 planetas do novo tipo foram identificados. Esse tipo de astro, por ser pequeno (para a escala do Universo), distante e não emitir luz própria, não pode ser observado diretamente. Eles são detectados por inferências matemáticas.

- Nosso estudo sugere que sistemas planetários são lugares muito instáveis, com planetas sendo expulsos devido ao choque de astros - disse Bennet.

Em duas décadas o conhecimento sobre planetas aumentou de forma impressionante. Para se ter ideia, não se conhecia nenhum planeta além daqueles que orbitam o Sol. Hoje, mais de 500 dos chamados exoplanetas (fora do nosso Sistema Solar) são conhecidos. [Fonte: Globo/Gazeta]

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Pesquisa personalizada

Livro Gratuito em PDF - Baixe Agora!